• 25 de fevereiro de 2013 --------------- 4 Comentários
      Eu poderia ficar aqui por horas tentando entender o que te levou a fazer isso. Pensar inúmeras possibilidades do por que ele me deixou? Por que a Ana não é mais minha melhor amiga ? Por que eu não sinto mais o mesmo quando eu vejo o João?
    Mas a verdade mesmo é que eu não preciso saber. Talvez, embora seja clichê , dessa vez realmente seja verdade a tal frase ” O problema não é você, sou eu ” . É , é isso o problema sou eu . Não sou o suficiente para alguma pessoas, elas não sabem ter coisas muito valiosas nas mãos, deixam escapar,não percebem o quanto são importantes e ás perdem. 
    Tumblr_min7om273c1r8uhx8o1_500_large
    Uma vez li numa dessas redes sociais a frase muito compartilhada,óbvio, como indireta-direta : ” Se algumas pessoas se afastarem de sua vida,não fique triste. É Deus ouvindo sua oração ‘ Livrai-me do mal, amém ‘ ” . E fiquei pensando: É pode ser verdade. Quem sabe alguma pessoas não sejam suficiente para outras . Sabe aquela velha historia do “você não me merece! ” ? É, pode ser verdade , não merece mesmo. Eu mereço mais!
    Tudo faz sentido pra mim agora, os “amigos” que não estão mais perto, os ”amores” que eu me perdi loucamente, as paixões enlouquecidas que tiravam o sono , tudo aquilo que parecia incrível se tornou um nada. Aliás, um nada não . Um passado . Pois tudo e todos que estiveram passando por meus dias ,  de alguma forma fazem parte do que sou hoje. Para bem ou mal. 
    Então, amigo que encontrou alguém “mais legal” e não lembra mais das horas que passávamos rindo e chorando, Obrigada! ‘Amor’ , que num sábado a noite qualquer eu percebi que não era tão amor assim, Obrigada ! Ei, Paixão, que eu quis ser meu novo amor , Obrigada por me mostrar que eu estava enganada.
    Algumas pessoas nunca mudam. Mas eu mudei. E me sinto mais feliz agora, pois não precisei transformar o externo pra fazer diferença aqui dentro. Eu mudei por você, mas pra mim !
    Tudo que vai volta ” É, mas talvez quando voltar não encontre aqui tudo exatamente como deixou.

    Estou precisando de sua ajuda : será que poderia votar em mim neste concurso ?  Garota Flor essence : http://migre.me/dpRGH
    Basta pedir pra participar do grupo e votar em JÉSSICA DANTAS na enquete. Eu ficaria muito grata à vocês seriam uma retribuição à mim, se os posts da série “Melhore seu blog” te ajudou um pouquinho *-* 

    Quer ler o post completo ? Venha ao Fala,Dantas e
    me diga o que achou!
    4 de fevereiro de 2013 --------------- 3 Comentários

    Há cerca de 2 horas que eu estou aqui, diante desta folha de papel nova e branca e com esta caneta com cheiro de rosas,que comprei pensando em você.Pensando no que eu preciso lhe escrever. Não que eu não saiba o que escrever.Eu sei.Preciso saber como escrever ?
    Tumblr_mhdjezpuor1r9v632o1_400_large

    Será que devo começar dizendo que ,mesmo sem saber, eu já te amo? Ou ficaria melhor começar citando todos os seus defeitos que me afastam de você ? Eu poderia dizer o quanto sinto sua falta,todos os dias , mas isso você já deve saber, não é ? Talvez, seria um bom começo, se eu dissesse os motivos que me levaram a escrever —ou tentar escrever — esta carta.
    Quem sabe, se eu explicasse cada linha de pensamento meu, que roubam o meu sono de tanto que me atormentam. Como seria melhor começar ? Ah, quem sabe, ficaria bom se eu iniciasse dizendo que quero você? Eu quero ficar com você . São muitas formas de começar uma carta de fim, não acha ? Talvez, eu nem lhe envie esta carta também, como tantas outras que eu ensaiei escrever  e ler pra você .Inúmeras outras que acabaram como uma folha em branco ou alguns rabiscos na lata de lixo. Como tantas outras coisas que eu não te disse. Talvez, não fosse pra serem ditas. Talvez.
    Então, eu vou continuar a escrever esta carta, tentar pelo menos. Não sei ao certo como começa-la ou como desenvolvê-la . Mas desde o começo eu já sabia como isso tudo,inclusive a carta, iria terminar . Não é ?
    Eu ainda só quero você.Ao menos neste segundo.

    Com amor,
    De quem queria lhe chamar de “meu”.
    Quer ler o post completo ? Venha ao Fala,Dantas e
    me diga o que achou!
    30 de janeiro de 2013 --------------- 3 Comentários
    Nós dois nos conhecemos no final de um daqueles verões tediosos. Talvez, nem deveríamos ter nos conhecido,mas o destino, caprichoso, quis assim. Na verdade, eu te achava irritante. Você me achava prepotente, mas ainda assim, o destino quis. 
    Tumblr_mhbkgicer21rg6jnxo1_500_large
    Eu me apaixonei por você. E você por mim ( acho ) .  Mas o verão acabou  as coisas não aconteceram como nós queríamos que fosse, como nos filmes ou livros de romance, sabe? Voltamos às nossas cidades, trocamos umas cartas e e-mails também . O sentimento que criamos naquele verão foi crescendo,até o fim da próxima estação .A distância machucava de tão dura que era. Mas , o destino quis pregar mais uma das suas peças. Tenho pra mim que o destino é como uma criança rica e mimada: tem tudo que quer, como quer e quando quer.Egoísta. Eu poderia esperar.Poderia. No pretérito imperfeito. Imperfeito foi o nosso sentimento.Acabará.
    Você tinha alguém . 

    Este texto não é real. Apenas uma reflexão,um texto como outro qualquer, que talvez quem sabe, toque alguém. Ou seja a realidade de um outro alguém.Não exatamente,eu.

    Quer ler o post completo ? Venha ao Fala,Dantas e
    me diga o que achou!