• TENDÊNCIAS DE VESTIDOS DE NOIVA PARA 2018
  • NOIVA CRESPA E CACHEADA: 24 PENTEADOS
  • 30 de Abril de 2018 --------------- Deixe um comentário

    COMO IDENTIFICAR UMA UNHA ENCRAVADA

    COMO IDENTIFICAR UMA UNHA ENCRAVADA

     

    Olá pessoas, tudo bem? Hoje o post é por conta da produtora da Equipe FalaDantas, Cíntia de Souza. Neste post vou relatar uma situação que está ocorreu comigo e deixarei vocês mais ligadas para evitar a bendita UNHA ENCRAVADA. Mas antes de conhecerem o meu caso, vamos saber mais sobre as UNHAS ENCRAVADAS.

    O que é a unha encravada

    Com o nome técnico de onicocriptose, a unha encravada ocorre quando a borda da unha cresce e entra na pele do dedo. Pode haver dor, vermelhidão, inchaço ao redor da unha e secreção. Algumas pessoas já nascem com unhas curvadas, que tendem a crescer para baixo. No entanto a unha encravada também pode ser resultado do uso de sapatos inadequados, unhas cortadas incorretamente. Geralmente o dedão é o mais afetado, mas a unha de qualquer outro dedo do pé pode encravar.


    COMO IDENTIFICAR UMA UNHA ENCRAVADA

    Se você perceber que está ficando com a unha encravada não corte a parte da unha que está encravada, porque se fizer errado vai prejudicar ainda mais a sua situação. Também não corte a unha em “v”, e nem coloque um curativo apertado. Estas medidas apenas pioram a unha encravada e aumentam o risco da unha encravar novamente.

    Complicações possíveis de uma unha encravada

    Em alguns casos a infecção pode se espalhar pelo dedo e chegar até o osso. Procure resolver esse problema o mais rápido possível e evite complicações indesejadas.

    CINCO DICAS PARA EVITAR A UNHA ENCRAVADA

    COMO IDENTIFICAR UMA UNHA ENCRAVADA

    Lixe as unhas após cortar

    O habito de lixar vai remover as espículas de unha, aquelas pontinhas que podem encravar. Portanto o organismo não vai entender que essas sobras de unha como um corpo estranho, gerando assim o processo inflamatório.

    Evite tirar as cutículas

    A cutícula é a proteção da unha contra fungos e bactérias. Retirar essa proteção vai abrir as portas do organismo para enumeras bactérias, podendo gerar doenças gravíssimas.

    Não use sapatos apertados

    Sapatos apertados exercem uma pressão sobre os cantos das unhas, o que gera um processo inflamatório e a unha acaba encravando. Porque usa-lo com freqüência pode modificar a estrutura do pé e afetar diretamente as unhas. EVITE!

    Deixe os pés limpos

    O acúmulo de células mortas do pé facilita a proliferação de micro-organismos. Mantenha os pés sempre limpos, principalmente as unhas, deixando-as livres da sujeiras e preservando o ambiente SEMPRE SECO. Nada de deixar os pés molhados!

    Usem equipamentos adequados

    Quando for mexer nas unhas, você sempre deve usar os equipamentos corretos e esterilizados. Se for em uma manicure observe se irão usar matérias limpos, devidamente esterilizados e fique atento a validade dos esmaltes, pois eles também podem trazer preocupações futuras.

    COMO TRATAR A UNHA ENCRAVADA EM CASA


    COMO IDENTIFICAR UMA UNHA ENCRAVADA

    1. Deixar o pé ou a mão que tem a unha encravada de molho em uma bacia com água morna ou quente, por cerca de 20 minutos;
    2. Tentar levantar o canto da unha que está encravada com uma pinça e colocar um pedacinho de algodão ou gaze entre a unha e a pele para mantê-la elevada, trocando diariamente após deixar o dedo em água quente durante 20 minutos.

    QUANDO VOCÊ DEVE IR AO MÉDICO

    COMO IDENTIFICAR UMA UNHA ENCRAVADA

    Se sua unha estiver muito encravada, inflamada, com pus e impedir que você caminhe normalmente, deve-se procurar um PODÓLOGO,  que é o profissional responsável por cuidar dos pés. Outros fatores que indicam a ida ao médico são:

    • Os portadores de Diabetes;
    • Se a unha estiver com pus e não é possível mexer na unha;
    • Se o dedo estiver muito inchado ou se a circulação parecer estar presa (dedo muito roxo).

    A unha encravada com pus deve ser vista por um profissional o mais cedo possível, porque neste caso é necessário tratar a infecção antes de cortar a unha.

    Quando a cirurgia é indicada

    A cirurgia para unha encravada é indicada nos casos em que é frequente as unhas encravarem e o tratamento com elevação da unha ou corte não resultam. Nesse caso a cirurgia é feita com anestesia local e, na maioria dos casos, não é necessário retirar total da unha.

    COMO A MINHA UNHA ENCRAVOU

    COMO IDENTIFICAR UMA UNHA ENCRAVADA

    Atendimento na Clinpé

    A minha unha encravou por um vacilo meu. Depois que a unha do dedo esquerdo acabou quebrando, fui cortar e infelizmente cortei de forma errada. Não consegui retirar um pedaço da unha completamente, o que fez com que a unha começasse a entrar na carne. Passei uma semana inteira de dor, porque a unha começou a inflamar, criando pus e obstruindo a circulação de sangue devidamente no dedo.

    Com o total de duas semanas com a unha nesse estado, comecei a tratar a infecção no modo caseiro fazendo a imersão em água quente e depois de limpo e seco usava uma pomada antibiótica. Mas mesmo com a infecção controlada eu percebi que não conseguiria desencravar sozinha. Porque cheguei em um ponto que não conseguia andar direito e qualquer toque no local o fazia sangrar e expelir secreção. Portanto, procurei um Podólogo para realizar o procedimento.

    Realizei o meu procedimento na CLINPÉ, a primeira instituição a oferecer o Curso Técnico de Podologia da Bahia, localizada na Av. Paulo VI, 724 – Pituba. O procedimento não demorou mais de 30 minutos, o cuidado e atenção da profissional que me atendeu foram INCRÍVEIS.

    VEJA TAMBÉM:

    Gostaram do post? Me contem: O que você faz e sabe que tá errado?
    Acompanhe  a Jessica nas redes sociais: @faladantasblog e @faladantas.

     Fotografias de Divulgação