• 5 de julho de 2019 --------------- Deixe um comentário

    COMO AJUDAR QUEM TEM CRISE DE ANSIEDADE?

    Sem dúvida em algum momento da sua vida você se perguntou se estava vivendo ou sobrevivendo. Na maioria das vezes, quem sofre de crise de ansiedade possui um histórico de ansiedade generalizada. Por isso eu separei um tempinho para conversar com vocês justamente sobre ansiedade e como eu enfrento as minhas neuras.

    COMO AJUDAR QUEM TEM CRISE DE ANSIEDADE?

    A crise de ansiedade ou ataques de pânico é o momento em que os sintomas da ansiedade se manifestam de forma inesperada e intensa. A pessoa tem taquicardia, respiração irregular, medo de TUDO e sofrem de tremores no corpo.

    CRISE DE ANSIEDADE: POR QUE ELA ACONTECE?

    Uma crise de ansiedade pode ser desencadeada por fatores genéticos ou externos. Traumas como o falecimento de alguém, agressões físicas e psicológicas podem fazer com que o indivíduo entre frequentemente em estado de alerta. Além disso, o estresse constante no trabalho, em casa, e até mesmo no círculo de amizade também pode provocar o distúrbio.

    DIFICULDADES DA VIDA E CRISE DE ANSIEDADE

    Você já se perguntou se você está vivendo ou sobrevivendo? A vida é cheia de cobranças e de caminhos que teoricamente temos que seguir a rica, que acaba nos sufocando pouco a pouca, você não acha?

    E aí, gostou do vídeo? Certamente sim! Antes que você me pergunte, teremos mais vídeos assim. Não se preocupe, que tia Jessica está de olho em vocês.

    COMO AJUDAR ALGUÉM COM ATAQUES DE PÂNICO

    Tente encontrar a causa do Ataque de Pânico e fale com a pessoa num tom calmo, que passe para a pessoa que ela está segura. Afaste-a das experiências ou pessoas que a perturbam e ocasionam nela as crises. Não desvalorize os medos ou receios de uma pessoa que tem ansiedade, afinal isso pode ser um gatilho para novas crises. Portanto, motive a pessoa a tentar recuperar a sua sanidade, se souber técnicas de respiração ajude-a a retomar uma respiração lenta e profunda, até que a crise se encerre.

    EXTRA:
    Seja paciente! Os ataques costumam ter em média, entre 5 a 15 minutos. Então tenha paciência e aplique tente tranquilizar da melhor forma possível a pessoa.

    Após fazer isso, aconselhe a pessoa a fazer terapia, fazendo-a entender que é possível sair desse estado mental instável. Ansiedade não é uma doença irreversível!


    VEJA TAMBÉM

    TERAPIAS ALTERNATIVAS PARA CONHECER E TESTAR!

    AGORA É SUA VEZ: VAMOS SER AMIGAS!

    Me segue no Instagram @faladantasPinterest e Twitter, que tem dicas todos os dias.
    Temos um grupo do FalaDantas no Facebook onde tiro duvidas, pergunto o que querem ver e tudo mais!
    CLIQUE PRA SE INSCREVER NO CANAL